Governo de Cabo Verde vende participações em empresas

29 September 2014

O governo de Cabo Verde vai alienar as acções que detém na Empresa Nacional de Combustíveis e no Banco Comercial do Atlântico a título oneroso através de venda directa e fora da Bolsa de Valores, anunciou quinta-feira na Praia o ministro da Presidência do Conselho de Ministros.

O ministro Démis Lobo disse ter o Conselho de Ministros aprovado o projecto de resolução que autoriza a ministra das Finanças, em representação do Estado, a proceder à alienação de 21 300 acções, que correspondem a 2,13% da participação detida pelo Estado na Empresa Nacional de Combustíveis (Enacol).

Quanto ao Banco Comercial do Atlântico (BCA) foi aprovado o projecto de resolução que sanciona a alienação de 132 476 acções, correspondendo a 10% da participação detida pelo Estado.

Na mesma reunião o Conselho de Ministros aprovou a proposta de lei que aprova o Orçamento do Estado para 2015, um documento que prevê um crescimento do Produto Interno Bruto entre 3% e 4% e uma taxa de inflação entre 1% e 2,5%. (macauhub/CV)

MACAUHUB FRENCH