Chineses são os estrangeiros que mais dinheiro gastam em Lisboa, Portugal

9 October 2014

Os chineses são os estrangeiros de fora da União Europeia que gastam mais nas lojas de rua de Lisboa, superando os brasileiros e acima de tudo os angolanos, que durante muitos anos foram os principais compradores, revelou um estudo da consultora imobiliária Jones Lang LaSalle (JLL).

O estudo citado pela imprensa portuguesa considera o total das vendas em regime de “tax free”, ou seja, para estrangeiros de fora da União Europeia que podem depois pedir o reembolso dos impostos das compras que efectuaram.

De acordo com o documento, os chineses são responsáveis por 28,6% do valor total gasto, os brasileiros por 26,7% e os angolanos por 24,5%, surgindo os russos num quarto lugar distante com um peso de 4,6%.

O estudo dá apenas o valor gasto, em média, em cada uma das cinco zonas em análise pela JLL, a saber: Avenida da Liberdade, Rua Castilho, Baixa, Chiado e Príncipe Real.

A zona de comércio de rua onde os estrangeiros gastam mais dinheiro é na Avenida da Liberdade, onde se encontram as grandes marcas de luxo, como a Prada, Louis Vuitton, Hugo Boss ou Gucci com um valor médio de 871 euros. (macauhub/AO/CN/BR/PT)

MACAUHUB FRENCH