Angola faz levantamento geológico e mineiro

24 October 2014

O Plano Nacional de Geologia (Planageo) vai produzir informação credível tratada e cartografada que permitirá programar a gestão e exploração de recursos minerais a longo prazo, afirmou quinta-feira em Luanda o ministro da Geologia e Minas.

O ministro Francisco Queiroz disse ainda que a informação recolhida pelo Planageo ficará à disposição, além dos organismos do Estado, de potenciais investidores, académicos e demais interessados.

“O Planageo é o maior programa de produção de informação geológica e mineira e o mais completo, a nível global, afirmou ainda Francisco Queiroz.

O ministro salientou que, além de cobrir todo o território de uma só vez, o Planageo o levantamento nas especialidades de geofísica, geoquímica, geologia, geotécnica, hidrogeologia, infra-estruturas laboratoriais e formação de quadros.

Aliado ao Plano nacional de Desenvolvimento de Formação de Quadros, Francisco Queiroz disse que serão recrutados, até 2018, 276 quadros superiores, 148 dos quais no âmbito dos contratos com as empresas prestadoras de serviço ao Planageo.

Até à data, segundo o ministro Francisco Queiroz, foram sobrevoados e cartografados cerca de 285 mil quilómetros lineares. (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH