Sete bancos de Angola e um de Moçambique entre os 100 maiores de África

27 October 2014

Sete bancos de Angola e um de Moçambique constam da lista dos 100 maiores de África por capital social da revista African Business, incluída na edição de Outubro corrente.

A lista é liderada pelo Standard Bank, da África do Sul, país que reclama para as suas instituições bancárias cinco lugares entre os 10 primeiros, sendo que os quatro restantes são preenchidos pelo Barclays Africa, FirstRand, Nedbank e Investec South Africa.

Os outros cinco lugares dos 10 primeiros são ocupados por três bancos de Marrocos, um da Nigéria e outro da Argélia.

Reportada a 31 de Dezembro de 2013, o primeiro banco desta lista tinha um capital social de 12 998 milhões de dólares, enquanto o primeiro de Angola – BESA – tinha um capital de 1022 milhões de dólares e o único de Moçambique um capital social de 403 milhões de dólares.

O primeiro banco de um país de língua portuguesa a aparecer é, na 26ª posição, o Banco Espírito Santo Angola (BESA), actualmente numa situação complicada na sequência da divisão do português Banco Espírito Santo em duas instituições – uma com os activos bons e outra com os maus.

Depois do BESA surgem o Banco Angolano de Investimentos (29º lugar), Banco de Poupança e Crédito (32º), Banco BIC (41º), Banco de Fomento Angola (42º), Banco Millennium Angola (74º) e Banco Privado Atlântico (77º), todos de Angola.

O único banco de Moçambique incluído nesta lista – Millennium bim – surge na 57ª posição. (macauhub/AO/MZ)

MACAUHUB FRENCH