Maior fábrica de tijolos de Angola com pico de produção em 2015

28 October 2014

A maior fábrica de tijolos de Angola, detida maioritariamente por empresários portugueses e que exigiu um investimento de 23 milhões de euros, prevê atingir o pico de produção em 2015, disse o director-geral da Cerâmica Industrial e Comercial (CIC).

“Trata-se da maior fábrica de tijolos instalada em Angola, que pode produzir cerca de 100 mil unidades por dia”, disse Filipe Nunes à agência noticiosa Lusa, tendo acrescentado que a produção é actualmente menos de metade da capacidade instalada, “dado que o mercado ainda não está a pedir.”

Mas com a construção de novos empreendimentos imobiliários, alguns dos quais dão origem a cidades construídas a partir do zero, envolvendo cerca de 150 mil casas, “devemos chegar ao pico da produção no ano que vem”, adiantou o director-geral da CIC.

A fábrica foi inaugurada em Luanda, a 01 de Julho de 2013, após um investimento de 30 milhões de dólares em conjunto com parceiros angolanos, que actualmente detêm 40% do capital social.

Resultou numa unidade totalmente automatizada, através de transferência de conhecimentos e tecnologia, processo assegurado pelo grupo português Recer – Pavimentos e Revestimentos Cerâmicos.

A actividade da fábrica envolve a extracção de matéria-prima em Angola (argila e areia), emprega 50 trabalhadores nacionais e três portugueses e já comercializa o tijolo que produz em províncias como o Zaire, Uíge, Huambo, Cunene, Huila ou Namibe. (macauhub/AO/PT)

MACAUHUB FRENCH