Comércio entre a China e países de língua portuguesa atingiu 102,58 mil milhões de dólares de Janeiro a Setembro

4 November 2014

As trocas comerciais entre a China e os países de língua portuguesa cifraram-se em 102,58 mil milhões de dólares de Janeiro a Setembro, um acréscimo homólogo de 4,06%, de acordo com dados oficiais chineses divulgados em Macau.

Nos primeiros nove meses do ano a China vendeu aos oito países de língua portuguesa bens no valor de 33 240 milhões de dólares (+3,98%) e comprou mercadorias no montante de 69 346 milhões de euros (+4,10%), assumindo um défice comercial de 36 106 milhões de dólares.

Com o Brasil, principal parceiro comercial da China em termos mundiais, as trocas comerciais situaram-se em 68 237 milhões de dólares (+1,38%), com a China a vender bens no valor de 25 698 milhões de dólares (-2,58%) e a comprar bens no montante de 42 539 milhões de dólares (+3,94%).

Em segundo surge Angola com um comércio bilateral de 28 262 milhões de dólares (+4,31%), somatório de vendas chinesas no valor de 3883 milhões de dólares (+39,45%) e compras no montante de 24 378 milhões de dólares (+0,28%).

Depois de Angola vem Portugal com trocas comerciais com a China no valor de 3613 milhões de dólares (+24,93%), resultado de vendas da China no valor de 2332 milhões de dólares (+27,07%) e compras que ascenderam a 1280 milhões de dólares (+21,21%).

Em quarto lugar aparece Moçambique com um comércio bilateral no valor de 2329 milhões de dólares (+95,27%), com a China a vender bens no montante de 1231 milhões de dólares (+39,03%) e a comprar mercadorias no valor de 1098 milhões de dólares (+257,28%).

Com os restantes países de língua portuguesa, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, as trocas comerciais com a China ascenderam nos primeiros nove meses do ano a 145 milhões de dólares. (Macauhub/AO/BR/CN/CV/GW/MZ/PT/ST/TL)

MACAUHUB FRENCH