Grupo português compra empresa de café em Angola

17 November 2014

A Angonabeiro, subsidiária angolana do grupo português Nabeiro, comprou a totalidade do capital social da empresa pública de produção de café Liangol nos termos de uma decisão de privatização do governo de Angola.

O grupo português, presente em Angola há 14 anos, já tinha sido convidado pelo governo angolano a colaborar na recuperação da antiga fábrica de café Liangol, em Luanda, uma unidade produtiva agora com a marca Ginga.

Nos termos da decisão governamental, a Liangol, cuja fábrica foi inaugurada a 25 de Maio de 2001, foi retirada do universo da igualmente estatal Empresa de Liofilização e Moagem de Café (Limoca) a fim de poder ser privatizada.

A Angonabeiro é uma empresa do grupo Nabeiro, com sede em Campo Maior, que actua no mercado angolano nos ramos do comércio e da indústria, através das marcas de café Ginga e Delta, entre outros produtos.

Antes da independência Angola foi o quarto maior produtor mundial de café, com mais de 200 mil toneladas anuais, mas essa produção é actualmente  inferior a 10%, devido ao abandono das plantações durante a guerra civil angolana. (Macauhub/AO/PT)

MACAUHUB FRENCH