Porto de Maputo, Moçambique, processa 19 milhões de toneladas de carga em 2014

11 December 2014

O porto de Maputo irá processar 19 milhões de toneladas de carga diversa até ao final do ano, um crescimento anual de 13%, disse Osório Lucas, director executivo da Companhia de Desenvolvimento do Porto de Maputo (MPDC, na sigla em inglês).

O director executivo da empresa concessionária do porto assumiu que a carga processada garante já um impacto positivo nos resultados do exercício de 2014, de acordo com o jornal Notícias, de Maputo.

Osório Lucas referiu-se, entre outros avanços ocorridos em 2014, à conclusão das fases 3 e 4 da recuperação e ampliação das bancas de ferro-crómio, um dos minérios que a África do Sul exporta para o mercado asiático a partir de Maputo.

Com a conclusão das bancas de ferro-crómio o porto passou a processar quatro milhões de toneladas daquele minério, o correspondente ao somatório do desempenho anual conjunto das linhas de caminho-de-ferro de Goba e de Ressano Garcia, que ligam à Suazilândia e África do Sul, respectivamente.

Para ilustrar a importância do investimento nas bancas de ferro-crómio, o director executivo da MPDC disse que dos 19 milhões de toneladas de carga processada este ano 13 milhões são de minérios.

O director executivo da MPDC disse em 2015 a empresa prosseguirá com as operações de aprofundamento do canal de acesso, o que fará com que o porto aumente a sua capacidade, tornando-se assim mais competitivo a nível regional e internacional.

“No actual contexto, baixar os custos no porto é um imperativo de sobrevivência”, sublinhou Osório Lucas. (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH