Empresas chinesas e portuguesa terminam em Outubro estrada Nampula/Cuamba, em Moçambique

7 January 2015

As obras de reparação e asfaltagem da estrada Nampula/Cuamba, numa extensão de 348 quilómetros, deverão ficar concluídas em Outubro próximo,informou o jornal Notícias, de Maputo.

A empreitada devia ter ficado concluída em Agosto de 2014, o que não veio a acontecer devido a atrasos nas obras do troço Malema/Cuamba, com cerca de 114 quilómetros, designado por Lote C.

“Só em Outubro de 2015 é que teremos a ligação entre as cidades de Nampula e Cuamba através desta estrada totalmente reparada e asfaltada”, disse o vice-ministro das Obras Públicas e Habitação, Francisco Pereira,

O projecto de reparação e asfaltagem da estrada Nampula/Cuamba está dividido em três lotes adjudicados a igual número de empresas, sendo duas chinesas e uma portuguesa.

O lote “A”, com 131 quilómetros compreendendo o troço cidade de Nampula/Ribaué, foi entregue à China Henan International Cooperation Group (Chico), o lote “B”, de 103 quilómetros, referente ao troço Ribaué/Malema, está a ser recuperado pela China Communications Construction e o lote “C”, de 114 quilómetros, que compreende o troço Malema/Cuamba, está a cargo das Construções Gabriel A.S. Couto.

Este projecto tem um custo estimado em 267 milhões de dólares financiados pelo governo de Moçambique e por parceiros, como a Agência Japonesa de Cooperação Internacional (JICA), Banco Africano para o Desenvolvimento e Banco de Exportações e Importações (ExIm) da Coreia do Sul. (Macauhub/CN/MZ/PT)

MACAUHUB FRENCH