Empresa chinesa constrói central de ciclo combinado do Soyo, Angola

9 January 2015

A empresa chinesa China Machinery Engineering Corporation (CMEC) vai dar início à construção da central eléctrica do Soyo, com o recebimento da primeira prestação de 147,7 milhões de dólares retirada da Reserva Financeira Estratégica Petrolífera para Infra-estruturas de Base, nos termos de um despacho presidencial.

De acordo com o mesmo despacho, esta central, que integra o Programa de Investimento Público, “é de grande importância para o desenvolvimento económico e social do país”, estando incluída no projecto governamental que visa reduzir o défice energético angolano até 2017.

A central de ciclo combinado do Soyo vai custar 982 milhões de dólares, sendo justificada pelo governo com as “previsões de crescimento da procura de energia eléctrica no país” no médio e longo prazo.

O contrato em causa foi celebrado entre o Ministério da Energia e Águas e a empresa chinesa CMEC em 2014. (Macauhub/AO/CN)

MACAUHUB FRENCH