Agricultores de São Tomé e Príncipe vendem cacau para a Alemanha

9 January 2015

Uma cooperativa de produtores e exportadores de cacau biológico da zona sul de São Tomé e Príncipe vendeu para a Alemanha 230 toneladas de cacau seco em 2014, disse um responsável cooperativa.

Adalberto Luís, responsável pela fileira de exportação da cooperativa Cecaq 11, que agrupa 958 agricultores da zona sul de São Tomé e Príncipe, disse que o cacau foi comprado pela Gepa (http://www.gepa.de/en/welcome.html), considerado o melhor comprador do comércio justo da Europa.

“Foi um bom ano para a Cecaq, pois tivemos um aumento de produção na ordem de 25%. Passámos de 189 para 230 toneladas de cacau, ou seja estamos a falar em termos monetários de uma venda de cerca de 750 mil euros”, disse Adalberto Luís.

Com cerca de 1500 hectares de terra, os produtores de cacau biológico da zona sul da ilha de são Tomé estabeleceram atingir nos próximos 12 meses uma produção de 300 toneladas.

Fundada em 1911, a Cecaq 11 agrupa 958 pequenos produtores de cacau que vendem o seu produto para a Alemanha, Inglaterra e Itália.(Macauhub/ST)

MACAUHUB FRENCH