Privatização parcial da TAP – Air Portugal com fase única para apresentação de propostas

16 January 2015

Os interessados na privatização parcial do grupo TAP terão uma fase única para a apresentação das respectivas propostas de compra, de acordo com o caderno de encargos quinta-feira aprovado em Conselho de Ministros.

O secretário de Estado dos Transportes, Sérgio Monteiro, disse que a intenção é ter investidor seleccionado “até ao final do primeiro semestre”, realçando que “o calendário não está definido no caderno de encargos.”

De acordo com o caderno de encargos aprovado, será tida em conta a experiência técnica e de gestão no sector da aviação, a sua idoneidade e capacidade financeira na escolha do futuro dono parcial do grupo TAP.

Entretanto, o jornal Público escreveu que o eventual futuro comprador da TAP não poderá despedir trabalhadores enquanto o Estado português permanecer como accionista da empresa.

O governo português havia já revelado que pretende, numa primeira fase, alienar 66% e não a totalidade do capital social do grupo TAP.

O jornal escreveu ainda que o acordo alcançado entre o governo e os sindicatos da TAP também prevê que os representantes dos trabalhadores participem nas decisões estratégicas da companhia aérea portuguesa. (Macauhub/PT)

MACAUHUB FRENCH