Governo da Guiné-Bissau reúne-se para preparar mesa-redonda com doadores

5 February 2015

O governo da Guiné-Bissau ficará reunido até sábado em Rubane, nas ilhas Bijagós, para preparar a mesa-redonda com os doadores, prevista para 25 de Março em Bruxelas, disse quarta-feira em Bissau o primeiro-ministro, Domingos Simões Pereira.

“Vamos rever toda a estratégia, analisar os documentos que vão orientar a mesa-redonda e verificar a parte logística”, disse Simões Pereira, notando que já no próximo dia 9 de Fevereiro corrente o governo guineense irá encontrar-se no Gana com o grupo consultivo para apresentação do documento da mesa-redonda.

Fazem parte do grupo consultivo do governo guineense para a mesa-redonda o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, União Africana, União Europeia, Banco Africano de Desenvolvimento, Banco Mundial, Fundo Monetário Internacional e Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental.

O primeiro-ministro disse ainda à agência noticiosa Lusa que os elementos do grupo consultivo “serão os primeiros a receber as notas do trabalho que temos vindo a desenvolver para o sucesso da mesa-redonda de Bruxelas.”

Também em Rubane, uma pequena estância turística próxima da ilha de Bubaque, vão ser analisados os nomes de personalidades a serem propostas pelo governo como embaixadores para promoverem a Guiné-Bissau, adiantou o primeiro-ministro guineense. (Macauhub/GW)

MACAUHUB FRENCH