Angola presente na 27ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa

26 February 2015

Angola está presente na 27ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), aberta quarta-feira até 1 de Março, na Feira Internacional de Lisboa, a fim de divulgar o potencial do país como destino turístico, disse a directora do Instituto de Fomento Turístico de Angola (Infotur).

Laureth da Silva Bravo disse ainda à agência noticiosa Angop ser igualmente intenção da presença de Angola no certame a captação de potenciais investidores, bem como o intercâmbio com expositores de diversos países.

Na presente BTL, além das sete maravilhas naturais de Angola, designadamente as Quedas de Calandula (Malanje), Floresta de Maiombe (Cabinda), Lagoa do Carumbo (Lunda Norte), Grutas do Nzenzo (Uíge), Morro do Moco (Huambo), Quedas do rio Chiumbe (Lunda Sul) e Fenda da Tundavala (Huíla), o Infotur tem em exposição outras potencialidades turísticas.

Laureth Bravo apontou outros “cartões-de-visita” de Angola, como as Quedas de Mupa (Huambo) e do Binga (Cuanza Sul), Serra da Leba (Namibe), assim como as Pedras de Pungo Andongo e o Parque Nacional de Cangandala (ambos em Malanje), bem como a “história, cultura, tradição e natureza de Angola.”

Este ano e pela primeira vez a província de Benguela está representada na Bolsa de Turismo de Lisboa através da Associação de Hotelaria e Turismo de Benguela, nomeadamente com o objectivo de “tornar Benguela parte dos grandes cruzeiros mundiais.”

Além dos membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), a BTL este ano conta com expositores de 27 países, entre os quais Alemanha, Canadá, Estados Unidos, Itália, Polónia e Reino Unido. (Macauhub/AO/PT)

MACAUHUB FRENCH