Governo de Angola concede novas explorações artesanais de diamantes

12 March 2015

O governo de Angola aprovou a concessão de direitos da exploração artesanal de diamantes numa área total de quase 500 quilómetros quadrados, no interior norte do país, a dois consórcios privados, de acordo com despachos oficiais.

As concessões são atribuídas, segundos despachos do Ministério de Geologia e Minas de 06 de Março, à Organização de Exploração Artesanal e Semi-Industrial de Diamantes (OEASID), na bacia do Cuango, e à cooperativa Nharea Diamond, na área do Dando Cuanza.

A primeira estende-se por uma área de 187 quilómetros quadrados e a segunda por 306 quilómetros quadrados, entre as províncias da Lunda Norte e Sul.

Estas duas concessões de exploração artesanal de diamantes permitem a utilização de equipamentos semi-industriais, de acordo com os respectivos despachos, assinados pelo ministro Francisco Queiroz, ao abrigo do Código Mineiro e da Lei do Investimento Privado.

Do total da extracção angolana no último ano, 8,75 milhões de quilates da produção industrial seguiram para exportação, avaliada em 1308 milhões de dólares. (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH