Fábrica do grupo Sumol+Compal em Angola em laboração ainda em 2015

13 March 2015

A fábrica em Angola do grupo português Sumol+Compal em Angola deverá entrar em funcionamento ainda em 2015, disse o director de pessoal, comunicação e sustentabilidade do grupo ao jornal português Diário Económico.

José Paulo Machado referiu a importância da abertura da fábrica em Angola, país onde o grupo pretende continuar a vender as suas marcas, atendendo ao facto de que o governo angolano prepara-se para impor quotas de importação sobre alguns produtos, nomeadamente bebidas.

Aquele responsável realçou que a unidade, que irá nascer na província do Cuanza Norte, terá “uma dimensão parecida com a fábrica de Pombal, Portugal” e acrescentou que numa primeira fase vai ser instalado equipamento para produzir sumos e néctares e só posteriormente refrigerantes.

Ainda no exercício de 2014, a empresa de direito angolana, Sumol+Compal Angola, celebrou com a angolana Agência Nacional de Investimento Privado uma adenda ao contrato de investimento que reforça a dimensão da unidade fabril e o investimento inicial de cerca de 23 milhões de dólares para 51 milhões de dólares.

Na agenda do grupo Sumol+Compal está ainda o reforço das exportações para outros países de África, um continente que é considerado estratégico para o crescimento dos negócios.

O director de pessoal disse ainda que em 2014 as vendas para o mercado externo cresceram 2,2% para 88,4 milhões de euros, o que contribuiu para a subida dos lucros para 11,9 milhões de euros, mais do dobro do valor contabilizado em 2013. (Macauhub/AO/PT)

MACAUHUB FRENCH