China e Brasil estudam parceria em parques tecnológicos

23 March 2015

Representantes do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação do Brasil reuniram-se, em Brasília, com o vice-ministro de Ciência e Tecnologia da China, Cao Jianlin que chefia uma delegação chinesa ao Brasil.

Os dois países possuem uma vasta área de cooperação nos domínios da ciência, tecnologia e inovação, em sectores como a nanotecnologia e a biologia, escreve o Portal Brasil

A delegação chinesa expressou interesse em ampliar a cooperação com o Brasil para abranger os parques tecnológicos, área em que a China possui grande “know-how”.

“Hoje, 13 por cento do Produto Interno Bruto [PIB] da China é proveniente dos parques tecnológicos. A China tem usado os parques tecnológicos como importantes instrumentos de desenvolvimento económico e até social. Eles tratam os parques tecnológicos como ambientes de inovação; são iniciativas mais ampliadas que no Brasil”, disse Álvaro Prata, secretário executivo do Ministério da Ciência,Tecnologia e Inovação (MCTI).

O MCTI e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Iniciativas Inovadoras (Anprotec) vai organizar em 2015 um seminário sino-brasileiro sobre parques tecnológicos,que se realizará  no Parque Tecnológico São José dos Campos, em São Paulo.

O programa espacial CBers (China-Brazil Earth Resources Satellite, Satélite Sino-Brasileiro de Recursos Terrestres) também esteve em discussão na reunião ocorrida no MCTI nomeadamente os próximos desenvolvimentos da parceria que poderá levar à construção de foguetes.( Macauhub/BR/CN)

MACAUHUB FRENCH