Guiné-Bissau pretende obter 427 ME de doadores internacionais

24 March 2015

A Guiné-Bissau vai tentar obter na quarta-feira, durante a mesa redonda de doadores que vai decorrer em Bruxelas, na Bélgica, 427 milhões de euros (ME) para projectos prioritários destinados ao desenvolvimento do país.

O encontro é promovido pelo novo governo eleito em 2014.

O primeiro-ministro Domingos Simões Pereira e o Presidente da República José Mário Vaz estarão presentes, em Bruxelas, para apresentar o plano operacional 2015-2020.

As organizações internacionais e os países que vão participar no encontro vão receber uma lista detalhada de 208 projectos que constituem a primeira vaga do plano com um custo estimado de 732 milhões de euros. Deste conjunto estão por financiar 100 projectos no valor de 427 milhões de euros, valor que a Guiné-Bissau vai tentar obter dos presentes no encontro.

Esta primeira vaga inclui projectos ligados à defesa, justiça e reconciliação nacional, vias de comunicação e acesso à energia entre outros.(macauhub/GW)

MACAUHUB FRENCH