Angola contrai empréstimo de 500 milhões de dólares

14 April 2015

O governo de Angola vai contrair um empréstimo de 500 milhões de dólares com o banco francês Société Générale tendo o respectivo acordo-quadro sido aprovado por um despacho presidencial de 8 de Abril.

O despacho, citado pela agência noticiosa Lusa, justifica a aprovação com “a estratégia do governo no que concerne à diversificação das fontes de financiamento para cobertura de projectos de investimento público.”

Angola já garantiu, entretanto, empréstimos de 500 milhões de euros dos espanhóis do Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (BBVA) e de 250 milhões de dólares do norte-americano Goldman Sachs e do fundo britânico Gemcorp Capital, cada.

Além destes, e com o mesmo argumento, Angola aprovou em Agosto de 2014 a contracção de um empréstimo de 1500 milhões de dólares junto do banco russo VTB Capital PLC.

Soma-se, já este mês, um empréstimo de 123,7 milhões de dólares, aprovado pelo Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) para financiar um projecto de abastecimento de água e saneamento básico em Angola.

A 26 de Fevereiro foi noticiado que o sul-africano Rand Merchant Bank (RMB) vai financiar o projecto de reconstrução de duas estradas nacionais angolanas (EN 180 e 225) com 216 milhões de dólares.

O buraco nas contas públicas angolanas, devido à forte quebra das receitas petrolíferas, está agora avaliado em 806,5 mil milhões de kwanzas (7,4 mil milhões de dólares), obrigando a novas necessidades de financiamento, quando está em curso uma negociação com o Banco Mundial para a obtenção de um empréstimo também de 500 milhões de dólares. (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH