Grupo Anadarko Petroleum estuda possível venda de activos em Moçambique

20 April 2015

O grupo norte-americano Anadarko Petroleum está a estudar a possível venda dos activos de gás natural em Moçambique tendo a Exxon Mobil e a Qatar Petroleum manifestado interesse no negócio, noticiou a agência financeira Reuters.

A agência cita fontes bancárias e industriais para afirmar que o grupo Anadarko Petroleum poderá ver a totalidade da participação de 26,5% que detém na concessão Área 1 da bacia do Rovuma, norte de Moçambique, onde foram descobertos depósitos com cerca de 75 biliões de pés cúbicos de gás natural.

O grupo, que detinha inicialmente 36,5%, vendeu em 2013 uma parcela de 10% ao grupo estatal indiano Oil and Natural Gas Corporation (ONGC) por 2,64 mil milhões de dólares.

O grupo pretendia construir uma unidade de liquidificação de gás natural em Palma, província de Cabo Delgado, exportando o produto final para países da Ásia, nomeadamente Índia, China e Japão.

Já este mês, John Peffer, director do grupo para Moçambique, anunciou que deveriam ser assinados em breve os contratos de venda que permitiriam iniciar o projecto de extracção e processamento de gás natural.

Peffer disse ainda que uma decisão final de investimento por parte da administração do grupo estava dependente da conversão dos acordos não-vinculativos em vinculativos que o grupo Anadarko Petroleum já concluiu para exportar 8 milhões de toneladas de gás natural por ano para clientes no Japão, China, Tailândia e Singapura. (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH