Produção de petróleo em Angola com média diária de 1,76 milhões de barris

14 May 2015

Angola produziu 158,9 milhões de barris no primeiro trimestre de 2015 ou 1,76 milhões de barris por dia, informa um relatório do Ministério dos Petróleos de Angola divulgado em Luanda.

O relatório adianta que nos primeiros três meses do ano registaram-se oscilações nos níveis de produção “decorrentes de motivos operacionais.”

A mais recente previsão do Governo angolano, constante da proposta de revisão do Orçamento Geral do Estado para 2015, aponta para uma produção total de 669 milhões de barris de petróleo este ano, um aumento de 10% face a 2014, equivalente a mais de 1,8 milhões de barris diários.

No mesmo período de três meses Angola importou 1175,3 mil toneladas de combustíveis, ou cerca de 40% das necessidades de produtos derivados, como gasolina e gasóleo, devido à reduzida capacidade de refinação do país.

Entre Janeiro e Março, a refinaria de Luanda processou 574,4 mil toneladas de petróleo em rama, cerca de um quinto das necessidades do país.

A actual refinaria nacional, nos arredores de Luanda, foi construída em 1955 e opera a cerca de 70% da sua capacidade, sendo, segundo um relatório do FMI que analisou o sector dos combustíveis em Angola, “bastante ineficiente” e com custos de produção que “superam, em geral, os dos combustíveis importados.”

Angola iniciou em Dezembro de 2012 a construção de uma nova refinaria, no Lobito, com o dobro da capacidade da refinaria actual, estando previsto para 2017 o início das operações. (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH