China vai ajudar empresas de Cabo Verde a elaborar projectos

17 June 2015

A China vai constituir um fundo para financiar estudos de viabilidade de projectos empresariais cabo-verdianos, no âmbito do programa de Ajuda Pública ao Desenvolvimento assinado com Cabo Verde, noticiou o jornal A Semana.

O jornal acrescentou que o fundo é uma linha de crédito a fundo perdido que visa ajudar empresas e promotores cabo-verdianos a aceder a financiamentos disponibilizados pela China, mas que nunca puderam beneficiar dos mesmos devido aos custos e nível técnico dos estudos exigidos pelas instituições financeiras chinesas.

Além disso, a China manifestou a sua disposição para conceder créditos para apoiar o desenvolvimento de micro e pequenas empresas cabo-verdianas, no decurso da missão governamental que a ministra do Turismo, Investimentos e Desenvolvimento Empresarial, Leonesa Fortes efectuou à China, de 31 de Maio a 5 de Junho.

Falando sobre a visita, que visava fazer um balanço da parceria económica e técnica entre a China e Cabo Verde e propor um modelo de cooperação agora assente em parâmetros económico-empresariais, a ministra disse que o fundo “deverá permitir às empresas cabo-verdianas apresentarem estudos de viabilidade credíveis, que lhes permitirão o acesso a financiamentos disponibilizados pelo Fundo do Desenvolvimento China-África, pelo Fundo de Cooperação para o Desenvolvimento entre a China e os Países de Língua Portuguesa e pelo Banco de Desenvolvimento da China.”

Como resultado da visita, a China decidiu conceder financiamentos a Cabo Verde em condições mas vantajosas tendo em conta o nível de endividamento do país e mostrou-se ainda disposta a aceitar cláusulas contratuais que possam mitigar o risco cambial referente a acordos vigentes e futuros.

Os dois países, prosseguiu Leonesa Fortes, acordaram dar esse salto – da ajuda pública ao desenvolvimento para uma parceria económico-empresarial e alargar o relacionamento bilateral para sectores estratégicos das suas respectivas economias – o mar, o ar, as energias renováveis, as tecnologias de informação, o turismo, as finanças e as micro/pequenas empresas. (Macauhb/CN/CV)

MACAUHUB FRENCH