Cervejas de Moçambique na lista das 250 maiores empresas de África

24 June 2015

A empresa Cervejas de Moçambique é a única do país e do conjunto de países africanos de língua oficial portuguesa a constar da lista das 250 maiores empresas de África em termos de capitalização bolsista da revista African Business.

Tendo entrado pela primeira vez na lista das 250 maiores de África na edição deste ano, a Cervejas de Moçambique, que surge na 233ª posição, tem uma capitalização bolsista de 397 milhões de dólares.

A lista da Áfrican Business é dominada por empresas cotadas ou da África do Sul, que aliás ocupam os 14 primeiros lugares, com o grupo mineiro anglo-australiano BHP Billiton em primeiro lugar e um valor em bolsa de 122 089 milhões de dólares.

Procurando explicar esta realidade, a revista afirma que tal deriva da maturidade da Bolsa de Valores de Joanesburgo, uma praça já reconhecida internacionalmente, bem como da relativa fraqueza dos mercados de bolsa um pouco por todo o continente.

A revista refere igualmente que as 10 primeiras empresas da lista – todas cotadas na África do Sul – representam quase metade da capitalização bolsista das 250 maiores do continente africano.

Depois da BHP Billiton, os restantes nove primeiros lugares são ocupados pela SAB Miller (bebidas e alimentos), Naspers (comunicação social), Richemont (produtos de consumo não-alimentares), MTN Group (telecomunicações), FirstRand (serviços financeiros), Standard Bank Group (serviços financeiros), Sasol (petroquímica), Steinhoff International (produtos de consumo não-alimentares) e Anglo American (minas e metais). (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH