Anadarko Petroleum com 60% do investimento para projecto de gás em Moçambique

15 July 2015

O grupo norte-americano Anadarko Petroleum já garantiu 60% do investimento necessário para o projecto de produção de gás natural liquefeito na província de Cabo Delgado, norte de Moçambique, informou o grupo em comunicado divulgado terça-feira em Maputo.

O grupo informou ainda do ponto de situação do projecto de construção de uma fábrica de produção de gás natural liquefeito num comunicado em que também informa que o Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, recebeu o presidente da companhia, Al Walker, na segunda-feira em Maputo.

O grupo Anadarko Petroleum refere ainda que irá assinar contractos de compra e venda de longo prazo de oito milhões de toneladas de gás/ano após ter firmado acordos não vinculativos correspondentes àquela quantidade.

Em Maio, a petrolífera norte-americana anunciou ter seleccionado o consórcio CCS JV, constituído pela norte-americana Chicago Bridge & Iron, a japonesa Chiyoda Corporation e a Saipem, uma subsidiária da italiana ENI, para a construção do terminal de gás natural liquefeito em Moçambique.

O governo moçambicano prevê que o projecto de liquefacção do gás extraído na bacia do Rovuma, no norte de Moçambique, exigirá investimentos superiores a 22 mil milhões de dólares e deverá iniciar-se em 2019, mas os consórcios envolvidos no projecto apontam o início das operações para depois de 2020. (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH