Coal India abandona 75% de duas concessões de carvão em Moçambique

15 July 2015

A administração do grupo estatal Coal India Ltd (CIL) decidiu desfazer-se de três quartos da área de duas concessões carboníferas que tem em Moçambique, informou o grupo em comunicado divulgado pela Bolsa de Valores de Bombaim.

O comunicado adianta que a administração do grupo decidiu reter 54 quilómetros quadrados da área concessionada e que contém carvão a uma profundidade até 500 metros e desfazer-se dos restantes 170 quilómetros quadrados.

A decisão de desfazer-se da maior parte da área concessionada teve por base um relatório de análise geológica compilado pelo Instituto Central de Planeamento Mineiro, uma subsidiária a 100% do grupo CIL.

A realização de furos de prospecção iniciou-se em 2012 e no final de 2014 o grupo dispunha de 40 mil metros de amostras para análise laboratorial, cujos resultados estão na base da decisão agora anunciada.

Os dois blocos em Moçambique foram atribuídos à Coal India Africana Limitada, uma subsidiária a 100% do grupo estatal. (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH