Clima económico de Cabo Verde melhora no 2º trimestre

20 July 2015

O clima económico em Cabo Verde melhorou ligeiramente no segundo trimestre mas o indicador de confiança manteve-se abaixo da média da série tendo-se contraído face ao trimestre homólogo, informou o Instituto Nacional de Estatística (INE) do arquipélago.

O Inquérito de Conjuntura aos Operadores Económicos informa que o indicador de confiança do comércio em estabelecimento “manteve a tendência ascendente do último trimestre, mas a conjuntura económica no sector continuou desfavorável”, sendo os principais constrangimentos apontados pelos empresários do sector a insuficiência da procura e as dificuldades financeiras.

O sector turístico, uma das principais actividades económicas do arquipélago, teve um desempenho negativo no segundo trimestre de 2015, tendo o indicador de confiança registado o valor mais baixo desde o início da série, evoluindo negativamente face ao trimestre homólogo.

Os operadores deste sector apontaram o excesso de burocracia e de regulamentos como os principais empecilhos ao desenvolvimento dos negócios.

Outro sector que evoluiu negativamente, face ao trimestre homólogo, foi o turismo residencial, que registou o valor mais baixo dos últimos 19 trimestres consecutivos, tendo os empresários apontado a insuficiência da procura e dificuldades financeiras como factores limitativos durante o segundo trimestre de 2015.

O sector que cresceu no segundo trimestre de 2015 foi o da indústria transformadora, cujo indicador de confiança registou o valor mais elevado dos últimos vinte e nove (trimestres consecutivos, evoluindo positivamente face ao trimestre homólogo. (Macauhub/CV)

MACAUHUB FRENCH