Empresas de França investiram em Moçambique 216 milhões de dólares

20 July 2015

O montante acumulado de investimento directo de França em Moçambique ascende a 216 milhões de dólares tendo o país sido em 2014 o décimo maior investidor com cinco projectos aprovados no valor de 13,6 milhões de dólares, afirmou o embaixador de França em Moçambique.

O embaixador Serge Segura disse em declarações a três órgãos de comunicação social que muitas empresas do seu país conhecem Moçambique e adiantou que a edição deste ano da Feira Internacional de Maputo, a decorrer de 31 de Agosto a 6 de Setembro, vai ter um pavilhão temático de França.

A Total foi apresentada pelo embaixador francês como uma das empresas do seu país instalada há muitos anos em Moçambique e com interesse em concorrer à concessão de novas áreas de pesquisa de hidrocarbonetos em Moçambique.

Falando a propósito da visita oficial de dois dias, que hoje, segunda-feira, o Presidente de Moçambique inicia a França, o embaixador anunciou que os dois países vão celebrar um acordo de redução da dívida moçambicana no montante de 17 milhões de dólares.

“Para a França, não é possível falar de relações económicas com Moçambique sem falar das questões de desenvolvimento”, assinalou o diplomata, adiantando que o acordo será acompanhado de ajuda ao Orçamento do Estado moçambicano e de apoio a projectos nas áreas do ambiente e da formação profissional.

Durante a visita de Filipe Nyusi, a convite do congénere francês François Hollande, serão assinados dois outros acordos, um relacionado com o Centro Cultural Franco-Moçambicano em Maputo e outro que permite a possibilidade de companhias aéreas de França e Moçambique operarem entre os dois países.

A visita oficial do Presidente de Moçambique a França será centrada na diplomacia económica, de acordo com Serge Segura, esperando-se que Filipe Nyusi tenha “a oportunidade de explicar a sua política e de que forma Moçambique pode acolher empresas francesas.” (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH