Empresas de Angola começam a ser admitidas à cotação em 2016

31 July 2015

A Bolsa da Dívida e Valores de Angola (Bodiva) começa a admitir à cotação em 2016 empresas com situação financeira regularizada e boas práticas de gestão, anunciou em Luanda o administrador executivo da Comissão de Mercado de Capitais (CMC).

Patrício Vilar disse num seminário sobre mercado de capitais para deputados da 5ª Comissão de Economia e Finanças da Assembleia Nacional que a CMC está a criar condições para o início efectivo do mercado de acções, com empresas em situação económica “estável e com perspectivas animadoras de crescimento.”

Estas condições estão associadas no Programa Operacional de Preparação das Empresas para o Mercado, levado a cabo pela CMC, através do qual empresas de diversos ramos de actividade são aconselhadas a adoptar a transparência e as práticas de governo de sociedades previstas no código de valores mobiliários.

Para o administrador, citado pelo Jornal de Angola, caso as empresas não cumpram o plano geral de contabilidade, conforme prevêem as normas internacionais, o resultado é a retracção do investimento, principalmente estrangeiro.

O seminário enquadrou-se nas acções de promoção da Comissão de Mercado de Capitais e surge numa fase em que a necessidade de diversificação da economia traz novos desafios para os agentes económicos que podem encontrar no mercado de capitais uma fonte alternativa de financiamento.

No encontro, os deputados da 5ª Comissão de Economia e Finanças da Assembleia Nacional analisaram o ponto da situação do mercado secundário de títulos de dívida pública, o programa de preparação das empresas para o mercado accionista, programa de educação financeira e a admissão da CMC à organização internacional das comissões de valores mobiliários. (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH