Governo da Guiné-Bissau anuncia construção de duas pontes

4 August 2015

A construção de duas novas pontes, em Bissau e em Farim, no norte do país, bem como a ligação a Catió, no sul, estão entre as prioridades do governo, disse em Bissau o ministro das Obras Públicas da Guiné-Bissau, José António Almeida.

A rede rodoviária na Guiné-Bissau, feita sobretudo de estradas em terra batida, é extremamente precária e antiga, sem serviços de manutenção.

No novo plano do governo, a ponte em Bissau, sobre o canal do Impernal, enquadra-se no projecto de construção de um segundo acesso à capital, que José António Almeida espera vir a contar com financiamento da União Económica e Monetária da África Ocidental (UEMOA).

O ministro disse ainda à agência noticiosa Lusa que o apoio financeiro já foi discutido com a administração da UEMOA, atendendo que a ponte ficará integrada na estrada transafricana, que liga as capitais dos diferentes países.

No caso de Farim, localidade situada na margem norte do rio Cacheu, a estrada termina na margem sul e o transporte de viaturas ainda é feito através de batelão, pretendendo-se com a construção da ponte pôr termo a esta situação e facilitar o acesso àquela região do país.

Na capital, Bissau, continuam a decorrer obras de construção de valas, drenagem e colocação de asfalto nas principais artérias, provocando vários transtornos na circulação rodoviária e que já duram desde o final de 2014.

O ministro das Obras Públicas acredita que algumas das obras nas ruas de maior tráfego vão ficar concluídas a partir desta semana, sendo que outras vão prosseguir, não obstante a época das chuvas ter-se já iniciado. (Macauhub/GW)

MACAUHUB FRENCH