Moçambique tem défice anual de 360 mil toneladas de arroz

11 August 2015

Moçambique importa anualmente um mínimo de 360 mil toneladas de arroz para cobrir o défice que se regista entre o consumo e a produção nacionais, disse recentemente o director nacional da Agricultura e Silvicultura.

Moçambique registou em 2014 um consumo anual de cerca de 580 mil toneladas de arroz, tendo por base uma importação de 360 mil toneladas e uma produção local de 223 mil toneladas de arroz descascado e em bruto de 343 mil toneladas.

Mahomed Valá, citado pelo matutino Notícias, de Maputo, disse que a baixa produção que se regista na cultura do arroz está relacionada com factores como dificuldade no acesso a meios de produção de qualidade, utilização limitada de meios mecânicos e dificuldades no acesso ao crédito.

Valá disse ainda que a utilização de tecnologias tradicionais, fraca capacidade de gestão de água, fraco nivelamento dos solos, adversidades climáticas, tais como inundações, cheias, seca e estiagem, são outros factores que têm influenciado negativamente a produção de arroz no país.

Moçambique dispõe de 900 mil hectares potenciais para a produção de arroz, dos quais apenas cerca de 310 mil estão a ser explorados actualmente, sendo que mais de metade deste potencial está nas províncias da Zambézia e Sofala, na região centro do pais.

Cerca de 90% da produção do arroz é realizada pelo sector familiar em regime de sequeiro, com uma produtividade média entre 1,0 e 1,2 toneladas por hectare em sequeiro e de 2,8 e 3,5 toneladas por hectare quando os terrenos são irrigados, sublinhou Mahomed Valá.

Na semana passada, os agricultores e gestores da empresa Hidráulica de Chókwè, em Gaza, reuniram-se em encontro que serviu para assinalar o termo da presente campanha de produção de arroz, em que foram colhidas cerca de 15 mil toneladas.

Deste montante pouco mais de 10 mil toneladas tiveram origem nos produtores do sector enquanto as restantes cinco mil toneladas foram produzidas por agricultores familiares, através de inúmeras unidades de pequena dimensão existentes naquele ponto da província de Gaza. (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH