União Europeia financia produção de açúcar em Moçambique

14 August 2015

Um projecto financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento vai apoiar cerca de 300 produtores de cana-de-açúcar organizados em cinco associações a aumentarem os seus rendimentos através da colocação garantida do produto, de acordo com a imprensa moçambicana.

O projecto, formalmente designado por Projecto de Desenvolvimento de Agricultores de Pequena Escala, permite, por outro lado, que a Açucareira de Xinavane atinja a capacidade instalada, ao ser abastecida pela cana produzida pelos membros daquelas associações.

A agência noticiosa AIM escreveu que este projecto conta com um apoio a fundo perdido de 1,5 milhões de euros por parte da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento, a que se tem de adicionar um empréstimo equivalente a 2,3 milhões de euros concedidos pelo Banco ABC, a ser pago com o produto das vendas da cana-de-açúcar à Tongaat Hullet.

A açucareira de Xinavane tem vindo a desenvolver actividades que resultaram, até à data, no plantio de 3500 hectares de cana e envolvimento de 3200 produtores organizados em 20 associações, além de 60 agricultores que também aderiram à iniciativa em termos individuais.

A indústria açucareira de Moçambique produziu 422,6 mil toneladas de açúcar durante a campanha de 2014/15, um aumento de 11% em relação ao ano anterior, tendo 141,4 mil toneladas sido colocadas no mercado interno e a restante tonelagem sido exportada. (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH