BNU de Macau vai abrir agência bancária na ilha de Hengqin

28 August 2015

O Banco Nacional Ultramarino solicitou autorização às autoridades da China continental para abrir uma agência na ilha de Hengqin, afirmou quinta-feira em Macau o director executivo Ronald Kan Cheok Kuan.

Ronald Kan disse ainda que a instituição está a negociar com a Universidade de Macau, cujas instalações foram transferidas da ilha da Taipa para aquela ilha do município vizinho de Zhuhai, a abertura de uma agência no “campus” universitário.

O director executivo do BNU disse ainda que o pedido de autorização para a abertura da agência na ilha de Hengqin visa permitir que o BNU tenha uma agência na ilha, de forma a apoiar as empresas de Macau que efectuam negócios do outro lado da fronteira.

“Se tudo correr bem, a agência, a primeira do BNU na China continental, começará a funcionar no segundo semestre de 2016”, precisou Ronald Kan.

O BNU abriu um escritório de representação há cerca de dez anos em Xangai, tendo o director executivo da instituição afirmado que as autoridades da China continental deverão autorizar a abertura da agência em Hengqin.

O Banco Nacional Ultramarino apresentou quinta-feira o novo cartão de crédito BNU UnionPay em três moedas, o único cartão actualmente existente que permite aos seus titulares efectuar despesas em Macau, Hong Kong e na China continental e proceder ao seu pagamento em patacas, dólares de Hong Kong e yuans, respectivamente, eliminando as variações cambiais.

O BNU, instituição bancária controlada pelo grupo estatal financeiro português Caixa Geral de Depósitos, existe em Macau desde 1902 e é actualmente um dos dois bancos emissores de moeda, juntamente com o Banco da China. (Macauhub/CN/MO)

MACAUHUB FRENCH