Economia de Macau cai 26,4% no 2º trimestre de 2015

1 September 2015

O Produto Interno Bruto de Macau registou uma contracção real de 26,4% no segundo trimestre de 2015, superior à verificada no primeiro trimestre (-24,5%), informaram os Serviços de Estatística e Censos.

A contracção económica verificada deveu-se, principalmente, à queda das exportações de serviços do jogo e dos outros serviços turísticos, que diminuíram 40,5% e 21,5%, em termos anuais, respectivamente.

Pelo contrário, o investimento, a despesa de consumo privado e de consumo final do Governo subiram 3,2%, 2,0% e 5,7%, respectivamente, em termos anuais, devido à estabilidade da procura interna, provocando a diminuição do impacto causado pela retracção económica.

O deflactor implícito do PIB, que mede a inflação global, situou-se no segundo trimestre do ano em 5,0%.

A formação bruta de capital fixo expandiu-se 3,2%, em termos anuais, tendo o investimento realizado pelo sector privado aumentado 1,6%, em termos anuais e o realizado pelo sector público crescido 36,0%, em termos anuais.

No primeiro semestre a economia de Macau contraiu-se 25,4%, em termos reais, com as exportações de serviços do jogo e de outros serviços turísticos a terem caído 40,1% e 19,6%, em termos anuais, respectivamente.

No entanto, o investimento cresceu 15,8% e o crescimento da despesa de consumo privado e de consumo final do governo manteve-se constante, devido à estabilidade da procura interna. (Macauhub/MO)

MACAUHUB FRENCH