China lidera programa de vistos dourados de Portugal

18 September 2015

A China continua a liderar o programa português de vistos dourados, tendo 1969 cidadãos recebido Autorizações de Residência para a actividade de Investimento desde Outubro de 2012 até Agosto de 2015, de acordo com números oficiais.

Os dados do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras indicam que depois da China, são os cidadãos do Brasil (89), Rússia (86), África do Sul (63) e Líbano (38) quem mais utiliza o regime introduzido pelo governo de Portugal para atrair investimento estrangeiro, tanto na aquisição de imobiliário como na constituição de empresas.

Globalmente, o governo português aprovou a concessão de 2465 Autorizações de Residência para a actividade de Investimento, tendo duas sido em 2012, 494 em 2013, 1526 em 2014 e 443 até Agosto de 2015.

Os cidadãos de outros países beneficiados com o regime aplicaram em Portugal 1496 milhões de euros, tendo 145 milhões sido por transferência de capital e 1350 milhões de euros pela aquisição de imóveis.

Das 2465 Autorizações de Residência para a actividade de Investimento atribuídas até Agosto 2332 foram-no pela aquisição de bens imóveis, 130 por transferência de capital e três pela criação de pelo menos 10 postos de trabalho.

Apenas em Agosto foram atribuídos 35 vistos dourados, que representaram um investimento de 21,6 milhões de euros. (Macauhub/BR/CN/PT)

MACAUHUB FRENCH