Orçamento de Estado para 2016 em Angola pretende promover a retoma económica

7 October 2015

O Orçamento Geral do Estado de Angola para 2016 vai procurar promover a retoma económica, assegurando em simultâneo as “funções básicas”, afirmou o ministro das Finanças, Armando Manuel, em declarações terça-feira à rádio e televisão públicas angolanas.

O ministro disse ainda que o OGE, em fase final de preparação e que deverá ser entregue na Assembleia Nacional, o parlamento, ainda este mês, “vai cumprir a cobertura das necessidades básicas do Estado”.

“Isto é, prosseguiu o ministro, garantir a remuneração dos seus servidores, assegurar o reembolso das obrigações de dívida, assegurar o funcionamento básico das instituições, quer em termos de despesa obrigatória e despesa mínima de funcionamento.”

O ministro Armando Manuel acrescentou que o documento visará ainda devolver à economia o ímpeto de crescimento, através de investimento público voltado para projectos de cunho infra-estrutural necessários para o estímulo da actividade económica.

O ministro das Finanças acrescentou que o Orçamento para 2016 “procurará equilibrar as receitas e as despesas”, embora permitindo “um nível de endividamento moderado, no quadro da responsabilidade fiscal que se tem para com as futuras gerações.” (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH