Projecto de produção de ferro-gusa em Angola em fase “bastante avançada”

15 October 2015

O projecto de exploração mineira de Cutato e Cuchi, na província do Cuando Cubango, está numa fase “bastante avançada”, afirmou quarta-feira em Luanda o ministro da Geologia e Minas, Francisco Queiroz.

No final da reunião conjunta das comissões Económica e para a Economia Real do Conselho de Ministros, o ministro disse ainda que o projecto mineiro naquelas duas regiões tem um custo estimado em cerca de 200 milhões de dólares e que, na fase inicial de prospecção, vai empregar pelo menos 300 pessoas.

Francisco Queiroz adiantou que o projecto vai implicar a desmatação e sequente plantação de 60 mil hectares de eucaliptos, árvores que serão convertidas em carvão para alimentar os fornos que vão transformar o minério de ferro em ferro-gusa, produto intermédio para a produção de aço.

Esse projecto, prosseguiu o ministro, terá início em 2016 e já foi identificado o local onde será feita a plantação dos eucaliptos para a produção do carvão.

Em termos de calendário, Francisco Queiroz disse dever começar a ser construída em 2016 a estrutura industrial para a produção de carvão, com destaque para os fornos, devendo a laboração iniciar-se no final do ano ou no início de 2017. (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH