Fronteira entre Moçambique e África do Sul aberta 24 horas a partir de meados de 2016

26 October 2015

Os governos de Moçambique e da África do Sul estão a trabalhar para que a fronteira de Ressano Garcia passe a funcionar 24 horas por dia para facilitar ainda mais a circulação de pessoas e bens naquele que é o principal e o mais movimentado posto fronteiriço entre os dois países, escreve o jornal Notícias.
A decisão foi tomada pelos Presidentes dos dois países durante a visita de Estado que o presidente de Moçambique, Filipe Nyusi efectuou a semana passada à África do Sul a convite do seu homólogo, Jacob Zuma.
Na primeira reunião da Comissão Binacional realizada, em Pretória, ficou acordado que logo esteja concluída a parte burocrática o tempo de validade da isenção de vistos de entrada para cidadãos dos dois países, em vigor desde o acordo de 2005, passe dos actuais 30 para 90 dias.
As novas medidas, anunciadas no encontro que o Presidente Nyusi manteve com a comunidade moçambicana na África do Sul, deverão entrar em vigor a partir de Junho do próximo ano.
Cerca de 400 mil moçambicanos vivem na África do Sul, dos quais cerca de 40 mil trabalham nas minas e os restantes noutros sectores de actividade, nomeadamente na agricultura.(macauhub/MO)

MACAUHUB FRENCH