Aeroporto de Maputo, Moçambique, entre os maiores projectos de ajuda da China em África

9 December 2015

A modernização do Aeroporto Internacional de Maputo, Moçambique, foi um dos maiores projectos de ajuda ao desenvolvimento construídos pela China em África, de acordo com uma lista elaborada pelo Diário do Povo, órgão central do Partido Comunista Chinês.

Concluída em 2012, a obra, desenvolvida pela empresa chinesa Anhui Foreign Economic Construction Corporation (AFECC), representou um investimento de 75 milhões de dólares, “financiado na totalidade pelo governo chinês”, escreveu o jornal.

O empréstimo concedido a Moçambique para este projecto era constituído por 50 milhões de dólares em crédito bonificado e os restantes 25 milhões em crédito comercial, de acordo com fonte oficial chinesa,

As obras de modernização, que surgem em quinto lugar na lista do Diário do Povo, incluíram a edificação de um novo terminal e o aumento da anterior capacidade de processamento de passageiros de 450 mil para 900 mil passageiros por ano.

No topo da lista surge a linha de caminho-de-ferro Tazara, também conhecida por Uhuru ou Tanzam, que liga o porto de Dar-es-Salaam, na Tanzânia, à cidade de Kapiri Mposhi, na Zâmbia, e cujos custos de construção atingiram 500 milhões de dólares. (Macauhub/CN/MZ)

MACAUHUB FRENCH