Marrocos vai oferecer um hotel com 110 quartos à Guiné-Bissau

10 December 2015

O Rei de Marrocos prometeu pagar a construção e oferecer à Guiné-Bissau um hotel de 110 quartos em Bissau, anunciou quarta-feira em Bissau o Presidente da República, José Mário Vaz.

O presidente guineense, que falava após o seu regresso ao país depois de ter participado na cimeira sobre o clima em Paris, França e no encontro China/África, em Joanesburgo, na África do Sul, disse ter recebido essa promessa do soberano marroquino na breve escala que efectuou em Marrocos.

O chefe de Estado guineense esclareceu que a intenção de Mohamed VI é de proporcionar à Guiné-Bissau uma infra-estrutura hoteleira para acolher os seus hóspedes.

José Mário Vaz anunciou, entretanto, que 2016 será um ano dedicado à produção de arroz para garantir a auto-suficiência alimentar na Guiné-Bissau.

Para incentivar a população a empenhar-se nesta tarefa, o chefe de Estado guineense garantiu que no próximo ano vai passar a trabalhar das segundas às quintas-feiras e dedicar os restantes três dias da semana (sexta-feira, sábado e domingo) ao trabalho no campo, “para resolver o problema de arroz e dar de comer às populações.” (Macauhub/CN/GW)

MACAUHUB FRENCH