Empresas aumentam produção de rochas ornamentais em Angola

29 December 2015

A produção das empresas que exploram rochas ornamentais na província da Huíla, em Angola, registou um acréscimo real de 2103 metros cúbicos ou 10% no período de Janeiro a Novembro, de acordo com um relatório do governo provincial.

O documento apresentado no Conselho de Auscultação e Concertação Social informa que as oito empresas envolvidas na exploração de rochas ornamentais venderam 22 539 toneladas de granitos, das quais 6929 toneladas de granito negro, tendo facturado em conjunto mais de 2,5 milhões de dólares.

Para essa produção contribuíram a Rodang, com 1795 metros cúbicos, Angostone, 1562, Osbal, 275,7, Metarochas, 406,1, DFG África, 360,7, Galiangol, 121,4, Granisul, 62,3 e a Omatapalo, 2,4 metros cúbicos, de acordo com a agência noticiosa Angop.

A Direcção da Indústria, Geologia e Minas da Huíla tem registadas 30 empresas de extracção e transformação de rochas ornamentais, tendo demarcado cinco áreas para exploração de britas e de rochas ornamentais no Lubango e nos Gambos. (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH