Embaixador da China na Guiné-Bissau enaltece importância económica do Fórum China/CPLP

5 February 2016

O embaixador da China na Guiné-Bissau disse esperar que o Fórum Económico China – Países de Língua Portuguesa, a decorrer de 9 a 11 de Abril próximo, em Bissau, contribua para melhorar o desenvolvimento da economia de cada um dos países membros.

Huang Wa falava à saída de um encontro de trabalho que manteve com o ministro da Economia e Finanças, Geraldo Martins, durante o qual debateram o estado das relações económicas e financeiras entre a Guiné-Bissau e a República Popular da China e forma de as desenvolver mais.

O embaixador disse que o Fórum Económico, o primeiro encontro do género na Guiné-Bissau, permitirá elevar para um nível mais importante as relações económicas e comerciais com entre os países e os respectivos sectores privados.

Huang Wa salientou que, pela sua importância económica e empresarial, os governos da Guiné-Bissau e da China e as autoridades da Região Administrativa Especial de Macau estão interessadas na promoção deste encontro de Abril.

O coordenador do recém-criado secretariado técnico para preparação do encontro de empresários da China e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Bruno Jauad, afirmou que o país pretende com este encontro atrair o investimento directo chinês para sectores chave visando a promoção das potencialidades nacionais.

Estarão presentes no encontro de Bissau as delegações oficiais e de empresários de Angola, Brasil, Cabo Verde, China, Guiné-Bissau, Macau, Moçambique, Portugal e Timor-Leste.

O Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, também designado por Fórum Macau, foi criado em 2003 e tem por objectivo o aprofundamento da cooperação económica e comercial entre os países-membros. (Macauhub/AO/BR/CN/CV/GW/MO/MZ/PT/TL).

MACAUHUB FRENCH