Empresa australiana faz prospecção de petróleo em zona conjunta Guiné-Bissau/Senegal

19 February 2016

A subsidiária senegalesa da empresa australiana Woodside Energy adquiriu uma participação num bloco de exploração petrolífera na zona de desenvolvimento conjunto entre o Senegal e a Guiné-Bissau, informou a empresa em comunicado divulgado quinta-feira.

O comunicado adianta que a participação de 65% adquirida pela subsidiária Woodside Energy (Senegal) resultou de um acordo de partilha de produção assinado com a empresa britânica Impact Oil & Gas Ltd.

O bloco cobre aproximadamente 6700 quilómetros quadrados numa zona com uma profundidade que oscila entre 1400 e 3700 metros.

A Impact Oil & Gas Ltd. manterá uma participação de 20% e a Enterprise AGC, uma sociedade controlada pelo Senegal e pela Guiné-Bissau nos termos da zona de desenvolvimento conjunto, os restantes 15%.

A Woodside Energy (Senegal) funcionará como operadora do bloco, tendo o presidente da empresa australiana, Peter Coleman, afirmado que o acordo agora assinado permite que a empresa passe a ter acesso a uma zona de “qualidade elevada.” (Macauhub/GW)

MACAUHUB FRENCH