Clima afecta mais de 300 mil pessoas em Moçambique

16 March 2016

Mais de 300 mil pessoas foram afectadas por fenómenos climáticos em Moçambique, 32 mil pelas cheias no norte e centro e cerca de 270 mil pela seca no sul e centro, anunciou terça-feira em Maputo o porta-voz do governo, Mouzinho Saíde.

Estes eventos traduziram-se na escassez de alimentos e de água potável, prosseguiu o porta-voz e vice-ministro da Saúde no final da reunião do Conselho de Ministros.

A seca está a causar a insegurança alimentar nas províncias de Maputo, Gaza, Inhambane, Sofala, Manica e Tete, causando não só a destruição das sementeiras mas igualmente a morte de muitas cabeças de gado.

Em resultado, prevê-se um défice na produção de cereais em todo o país, sobretudo arroz e milho, embora haja uma previsão de aumentos da produção em culturas como mandioca, feijões, soja e amendoim. (Macauhub/MZ)

MACAUHUB FRENCH