Angola e Rússia querem reforçar cooperação e negócios

18 April 2016

O ministro da Geologia e Minas de Angola, Francisco Queiroz, disse em Luanda que a Rússia quer instalar no país linhas de montagem de veículos e máquinas, ligeiras e pesadas, para diferentes sectores e aumentar os investimentos nas áreas das pescas, indústria transformadora, energia e geologia e minas, escreve a agência Angop.

O ministro falava depois de ter assinado com a Rússia no final da quarta sessão da Comissão Intergovernamental Angola-Rússia, um protocolo para o reforço da cooperação económica, técnico-científica e comercial entre os dois países.

Serguei Donskoi ministro russo dos Recursos Naturais e Ecologia, disse por seu turno que o seu país pretende cooperar com Angola nos sectores da energia renovável, para a construção de uma central eléctrica solar e desenvolvimento de outros projectos neste sector.

O ministro Serguei Donskoi referiu ainda que sendo Angola um parceiro estratégico da Rússia em África e assinalou que há empresas russas que querem entrar no mercado angolano para construção de vagões para caminhos-de-ferro e produzir materiais para o sector da aviação e cooperar nos sectores das pescas e agricultura.

As trocas comerciais entre Angola e a Rússia em 2015 atingiram os 244 milhões de dólares.(Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH