Linhas de crédito da China permitem construir pólos industriais em Angola

26 April 2016

O Pólo de Desenvolvimento Industrial de Caála é um dos sete empreendimentos do género que estão a ser construídos com recurso a linhas de crédito abertas pela China, disse sábado na cidade de Huambo o secretário de Estado da Indústria de Angola.

Kiala Gabriel disse ainda que o processo de construção dos pólos de desenvolvimento “está praticamente na fase final, esperando-se, agora os resultados da empresa a quem foi adjudicada a empreitada”, de acordo com a agência noticiosa Angop.

O Pólo de Caála, com mais de mil hectares, passou por uma fase de loteamento, a que se seguirão trabalhos de construção de infra-estruturas como arruamentos, redes de saneamento, distribuição de água e electricidade, telecomunicações e outros meios e serviços públicos.

A antiga fábrica de motorizadas e bicicletas Ulisses, localizada na zona industrial da Chiva, arredores da cidade do Huambo, aguarda por um financiamento de cinco milhões de dólares para voltar a produzir, disse o director da área jurídica da unidade fabril.

João Major afirmou que a fábrica, paralisada há cerca de 10 anos, passará a denominar-se Átomo Progresso Motorizadas e está inscrita para a obtenção de um empréstimo ao abrigo do programa Angola Investe. (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH