Redução de custos aumenta lucro da angolana Sociedade Mineira do Catoca

3 May 2016

A redução de custos operacionais conseguida em 2015 pela Sociedade Mineira do Catoca (SMC) fez com que o lucro registado tenha atingido 126,8 milhões de dólares, anunciou segunda-feira em Luanda o director-geral da empresa de diamantes.

Sergei Mitiukhin afirmou que, em 2015, os custos operacionais sofreram uma redução de 34 milhões de dólares e passaram a representar 60% da facturação total, na sequência de decisões tomadas pela administração para minimizar os efeitos da crise sobre a empresa.

O cenário económico no qual a companhia operou no ano passado foi caracterizado pela baixa do preço do quilate de diamantes para 87 dólares, contra uma previsão de 97 dólares, bem como pelo aumento da carga fiscal e dos preços dos combustíveis, que constituem 75% dos custos.

Citado pela agência noticiosa Angop, Sergei Mitiukhin disse que para reduzir custos a empresa procedeu à entrega a terceiros de determinados serviços e procedeu a aumentos salariais, o que permitiu obter ganhos de eficiência.

A SMC é uma empresa de prospecção, exploração, recuperação e comercialização de diamantes, que tem como accionistas a estatal Empresa Nacional de Diamantes de Angola (32,8%) a russa Alrosa (32,8%), a LLI Holdings (18%) e o grupo brasileiro Odebrecht (16,4%). (Macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH