Presidente de Moçambique inicia visita à China em Nanjing

17 May 2016

O Presidente de Moçambique iniciou em Nanjing, capital da província de Jiangsu, uma visita de Estado de cinco dias à China, que  espera venha a ter como resultado o “reforço dos apoios financeiros concedidos ao país”, de acordo com a imprensa moçambicana.

Filipe Nyusi é acompanhado nesta visita pelos ministros dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Oldemiro Balói, da Indústria e Comércio, Ernesto Max Tonela, das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos, Carlos Bonete Martinho, da Cultura e Turismo, Silva Dunduro e por quadros de diversas instituições do Estado.

Além da comitiva oficial, esta visita inclui uma delegação de 60 empresários, dos 71 que inicialmente se inscreveram na Confederação das Associações Económicas de Moçambique (CTA) para acompanhar o Chefe de Estado.

O Presidente de Moçambique participa hoje em Nanjing num Fórum Empresarial Moçambique-China, efectua uma visita à Academia Militar e reúne-se ao final do dia com o governador da província de Jiangsu, antecedendo um banquete em sua honra.

Quarta-feira, o Presidente da República segue para Pequim, onde será recebido pelo seu homólogo Xi Jinping no Palácio do Povo, ao que se seguirão conversações oficiais entre as duas delegações e assinatura de alguns acordos de cooperação e o banquete de Estado.

Filipe Nyusi mantém, quinta-feira, ainda em Pequim, um encontro com o primeiro-ministro chinês e discursa na cerimónia de abertura da Conferência Internacional sobre o Desenvolvimento do Turismo, visitando mais tarde a sede da China National Petroleum Corporation e participando no II Fórum Empresarial Moçambique-China.

Sexta-feira, a comitiva de Moçambique segue para a província de Shandong, terminando a visita no próximo sábado com uma deslocação ao centro de demonstração de agricultura moderna de Zhangqiu e à fábrica de Jin Rong Foodstuff Co. Ltd. (Macauhub/CN/MZ)

MACAUHUB FRENCH