Timor-Leste desiste da compra de participação adicional na Timor Telecom

16 June 2016

O governo de Timor-Leste decidiu “em definitivo” abandonar a ideia de comprar a participação do grupo brasileiro Oi na Timor Telecom, mantendo apenas a participação actual de 20,59%, disse o vice-ministro das Finanças timorense.

Hélder Lopes disse ainda à agência Lusa que a decisão de não comprar aquela participação foi feita “com base numa análise comercial, financeira e económica levada a cabo pelo governo.”

O vice-ministro disse também que a decisão adoptada pelo governo é consistente com a política de liberalização do mercado das telecomunicações adoptada em 2012, que visa “deixar o sector nas mãos do mercado.”

Em Maio passado, o vice-ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, Inácio Moreira, havia afirmado à agência que o Estado timorense tinha de fazer “tudo o possível” para ter uma maioria de capital na Timor Telecom, para garantir a segurança das comunicações do Estado.

O governo de Timor-Leste tem uma dívida de mais de 9,5 milhões de euros junto da Timor Telecom, que na próxima sexta-feira se reúne em assembleia-geral. (Macauhub/BR/TL)

MACAUHUB FRENCH