Embaixador da China incentiva empresas chinesas a investirem em Portugal

27 June 2016

O embaixador da China em Portugal disse, em Lisboa, que o governo português aguarda a participação das empresas chinesas nos sectores de energia, serviços financeiros, seguros, medicina, saúde, negócios marítimos, agrícola e infra-estruturas do país.

Cai Run falava ao receber na capital portuguesa uma delegação económica da região do Pan-Delta do Rio da Pérolas (9+2) que integra nove províncias chinesas (Fujian, Jiangxi, Hunan, Guangdong, Guangxi, Hainão, Sichuan, Guizhou e Yunnan) e as Regiões Administrativas Especiais de Macau e Hong Kong que visitou a Bélgica e Portugal entre 19 e 24 do corrente mês.

O diplomata, de acordo com um comunicado do Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau, classificou Portugal como “terra de maravilhas, dotada de excelente localização geográfica” e disse que as empresas chinesas devem aproveitar as vantagens locais e explorar as oportunidades de negócios existentes.

Durante a deslocação a Portugal, o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) organizou, em Lisboa, um seminário destinado a promover e expandir o papel de Macau como plataforma de cooperação comercial e económica entre a região do Pan-Delta do Rio da Pérolas (9+2) e os países de língua portuguesa.

No encontro, que reuniu dezenas de participantes, o presidente do IPIM, Jackson Chang, revelou que a cidade de Pequim e Portugal foram convidados para serem, respectivamente, “Cidade Parceira” e “País Parceiro” da 21.ª Feira Internacional de Macau (MIF) que se realiza de 20 a 23 de Outubro do corrente ano.

Durante o seminário Gu Wanjun, membro da Comissão para o Desenvolvimento e Reforma da Província de Guangdong e director do Gabinete de Planeamento do Secretariado da Conferência Conjunta Executiva da Região do Pan-Delta do Rio da Pérolas (9+2), deu a conhecer a potencialidade económica da região.

A região do Pan-Delta do Rio da Pérolas (9+2) representa um quinto da superfície da China, um terço da sua população e um terço da sua produção económica. (Macauhub/CN/MO/PT)

MACAUHUB FRENCH