China Railway Rolling Stock Corporation quer aumentar negócios em Moçambique

6 July 2016

A China Railway Rolling Stock Corporation (CRRC) pretende aumentar os negócios em Moçambique, afirmou o responsável pelos negócios internacionais da empresa em declarações ao matutino Notícias, de Maputo.

A empresa, que repara e fornece vagões para a estatal Portos e Caminhos-de-Ferro de Moçambique (CFM), assinou, recentemente, um contracto com o grupo brasileiro Vale para o fornecimento de mais de mil vagões para o transporte de carvão mineral.

O Presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, visitou em Maio passado a CRRC na cidade de Jinan, capital da província de Shandong, no decurso da visita de Estado que efectuou à China.

Nessa visita, Filipe Nyusi terá afirmado, de acordo com Chen Dayong, que Moçambique pretende continuar a trabalhar com a empresa, “facto que poderá materializar-se em investimentos em equipamentos e construção de infra-estruturas.”

A CRRC exporta actualmente equipamentos para 102 países nos seis continentes, incluindo Moçambique, emprega 175,7 mil pessoas e possui um capital de 27,29 mil milhões de yuans (cerca de 4,4 mil milhões de dólares). (Macauhub/CN/MZ)

MACAUHUB FRENCH